Jaboatão abre mais de 17 mil vagas na rede de ensino

Imagem1

Quem deseja uma vaga para matrícula de aluno novato em escola municipal terá entre os dias 09 e 24 de janeiro para fazer o procedimento

A partir da segunda semana de janeiro de 2017, mais precisamente entre os dias 09 e 24, os interessados em realizar matrículas para alunos novatos na rede municipal de ensino de Jaboatão dos Guararapes devem se dirigir a unidade de ensino mais próxima de sua residência com documento de transferência da escola de origem, duas fotos 3×4 recentes e cópias da certidão de nascimento ou RG, da carteira de vacinação, cartão do SUS e comprovante de residência.

Atualmente o município possui 139 escolas que atendem Educação Infantil, Anos Iniciais e Finais do Ensino Fundamental, e Educação de Jovens e Adultos (EJA). Os alunos que já estudaram este ano de 2016 em escolas municipais de Jaboatão a renovação da matricula é automática.

No total são 17.554 vagas distribuídas nas sete regionais da cidade. “Hoje temos quase 59 mil alunos matriculados. Para o próximo ano de 2017, temos vagas disponíveis para todas as modalidades, inclusive na educação infantil para as crianças de 4 e 5 anos são 3.545 vagas. Desde 2015 universalizamos a educação para esta faixa etária, antecipando a meta do MEC (Ministério da Educação). Implantamos a Lei do Busca Ativa para garantir que estas crianças não fiquem fora da escola, além de diminuir a evasão escolar”,  declarou o secretário Executivo de Educação, Francisco Amorim.

Publicado em Sem categoria | Comentários desativados

Educação encerra gestão com culto de agradecimento

WP_20161215_031

Mais de cem pessoas entre funcionários da Secretaria Executiva de Educação, gestores escolares, estudantes, entre outras, se reuniram na manhã desta quinta (15)

Mais de 100 pessoas se reuniram na manhã desta quinta-feira (15), na quadra da Secretaria Executiva de Educação, em Piedade, para o ultimo culto de 2016. Em clima de fechamento de ciclo, os presentes agradeceram pelas conquistas e pela união da equipe, que durante oito anos executou suas funções de forma conjunta para que a Educação de Jaboatão chegasse por duas vezes consecutivas ao 1º lugar do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica), na Região Metropolitana do Recife.

A Escola Municipal em Tempo Integral Bartolomeu de Gusmão, localizada em Piedade, presenteou os participantes com um grupo de alunos que fazem parte das aulas de francês, projeto fruto da parceria com Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura). A mensagem dos estudantes não poderia ser melhor, a apresentação contou com trechos da conhecida obra O pequeno Príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry, exaltando a paz recitando reflexões em francês. Também se apresentou na abertura do culto o coral da Escola Municipal em Tempo Integral Nossa Senhora Aparecida.

O secretário Executivo de Educação, Francisco Amorim, destacou o compromisso dos profissionais. “A apresentação dos alunos em francês é um exemplo do que estamos deixando no município. Estamos mudando o futuro dessas crianças. Nós fizemos muito, fomos bons mesmo com todas as dificuldades. Este momento é para agradecer a Deus por tudo”, pontuou.

Também foram entregues as cestas natalinas para os motoristas e serviços gerais que desempenham as funções na Secretaria Executiva de Educação. “Cada um desses profissionais desempenham um papel importante na educação municipal, que vai desde a limpeza do espaço até ajudar na locomoção dos estudantes com dificuldades”, ressaltou.

 

Publicado em Sem categoria | Comentários desativados

Estudantes de Jaboatão são premiados na 12ª OBMEP

Duas medalhas de bronze foram conquistadas por estudantes das Escolas Integrais Nossa Escola e Bartolomeu de Gusmão

A Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) é a maior Olimpíada estudantil do país e tem como metas estimular o estudo da Matemática e revelar talentos, foi criada em 2005 e realizada pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA). O resultado da 12º Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas foi divulgado e os estudantes Arthur Rodrigues de Ataíde, da Escola Municipal em Tempo Integral Bartolomeu de Gusmão, e Mikaely Aguiar da Silva, da Escola Municipal em Tempo Integral Nossa Escola, conquistaram medalhas de bronze no nível 2.

De acordo com o secretário Executivo de Educação, Francisco Amorim, os resultados de Jaboatão demonstram o trabalho desenvolvido. “Nosso monitoramento e as formações continuadas contribuíram para o avanço na qualidade do ensino na cidade. Saímos do 10º lugar no índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) para 1º lugar. O programa Aprova Jaboatão com aulas aos sábados para preparar os estudantes para concorrerem a uma vaga em escolas técnicas federais e estaduais também foi um fator que contribuiu”, afirmou,

Dos quase 18 milhões de alunos que participaram da maior disputa do gênero no mundo, 6.502 ganharam medalhas, sendo 501 de ouro, 1.500 de prata, e 4.501 de bronze (4.501), e 42.482 estudantes receberam menções honrosas.

ALUNOS COM MENÇÃO HONROSA:

Caroline Alexandre da Silva, da Escola Alice Vilar de Aquino

Emily Vitória da Silva, da Escola Benjamim Constant

Gustavo José dos Santos, da Escola Benjamim Constant

Gabriel de França, da Escola Bartolomeu de Gusmão

Wislayne Fernanda de Souza, Colégio Jaboatão dos Guararapes

Alexsandro Nascimento da Junior, Escola Paulino Menelau

Arthur Luides Barbosa de Santana, Escola Paulino Menelau

Lais  Ferreira Sá Capozzoli, Escola Nossa Escola

Luciano Silva da Costa, Escola Marechal Costa e Silva

Paulo Henryque da Cruz, Escola Rural Maria Feijó

Phietra Camilly da Silva, Escola Poeta Castro Alves

Raul marques silva neto, Escola Compositor Luiz Gonzaga

Ruan kaik de Paula Rodrigues, Escola Natividade Saldanha

Publicado em Sem categoria | Comentários desativados

Jaboatão recebe Fórum de Educação Física

20161206_094444

Em Pernambuco oito municípios recebem o projeto Rede de Parceiros Multiplicadores em Esporte Educacional, do Instituto Esporte e Educação, e Jaboatão é um deles

Durante três anos, 17 unidades de ensino de Jaboatão dos Guararapes participaram do projeto do Instituto Esporte e Educação (IEE). Nesta terça-feira (06), aconteceu a culminância das atividades de todos os municípios atendidos em Pernambuco durante o Fórum Rede de Parceiros Multiplicadores em Esporte Educacional, na Faculdade Guararapes, em Piedade. No total, cinco banners foram expostos no evento.

“Aqui em Jaboatão tivemos cerca de 20 professores de educação física participando do projeto. Durante os três anos de execução foi feito acompanhamento através de relatórios. Foi muito positivo”, afirmou a coordenadora de Educação Física da Secretaria Executiva de Educação, Patrícia Lemos.

O projeto IEE forma Núcleos Estratégicos, qualificando gestores e professores para que estes sejam os responsáveis diretos pelas atividades de atendimento às crianças e adolescentes. Para o professor Móises Galdino de Oliveira o projeto deu um norte. “Eu fiz educação física para trabalhar com crianças em escolas, mas acabei seguindo a área de treinamento e personal, agora estou em escola e desempenho o que sempre quis. Escolhi trabalhar a temática de circo com os alunos e aceitação foi muito boa. Temos que trabalha o lúdico. As formações orientaram, incentivaram e mostraram caminhos”, declarou.

Durante o encontro aconteceu a mesa redonda Formação de Professores, com a professora Viviane Maciel, entre as discussões estavam o conceito de Educação Física e os locais de atuação; apresentação de experiências; oficinas e as apresentações dos resultados da Rede Multiplicadora de Esporte Educacional nos municípios do Estado de Pernambuco.

Publicado em Sem categoria | Comentários desativados

34 escolas municipais de Jaboatão recebem o Selo Cultura de Paz

Selo da PAz

As escolas contempladas desenvolveram projetos de estímulo à cultura de paz nas comunidades. Criado por decreto, o selo foi entregue na manhã de terça (29) aos gestores escolares

Por Charles Andrade

Juntas, estas escolas planejaram e estão executando, com seus alunos projetos que estimulam a cultura de paz nas comunidades, a partir do âmbito escolar.  Os 41 projetos inscritos para obtenção do selo, com eixos temáticos e atividades diversas, foram avaliados por representantes da Câmara Temática de Cultura de Paz e da Secretaria Municipal de Educação. Na apresentação das propostas, as escolas relacionam os eixos temáticos, as atividades sugeridas e o público alvo que se deseja alcançar com cada atividade.

Segundo Karla Vieira, secretária executiva de Segurança Cidadã, a ideia é que o projeto perdure e outras instituições da sociedade civil possam receber esse selo. “Quando Elias Gomes assumiu a gestão do município, nos desafiou a implantar na Cidade um modelo de segurança pública diferenciado. Algo que fosse fundamentado na base da sociedade. Partimos então para a implantação de uma Cultura de Paz em todas as Regionais Administrativas desta cidade, em todas as áreas. Entendemos ainda, que a  educação seria nosso alicerce e assim partimos para essa disseminação nas unidades da rede municipal de ensino, em parceria com a secretaria municipal de Educação. Hoje, nós reconhecemos aqui 34 escolas que abraçaram essa atitude e que hoje somam os resultados que vão desde a diminuição conflitos em salas de aula até a preservação de todo o patrimônio destas unidades”, afirmou.

Para Fátima Couto, gestora Escola Municipal São Sebastião – Regional 1 – receber o selo é a soma do reconhecimento de um trabalho desenvolvido para um futuro diferenciado para crianças e adolescentes da rede municipal de ensino. “Hoje, nós gestores, nos sentimos honrados com o reconhecimento do Governo Municipal aos nossos esforços. Sabemos que as escolas são as formadores de novos cidadãos e graças a isso, estamos realizando um sonho em desenvolver uma cultura de paz entre nossos alunos, que conseqüentemente repassaram para seus descendentes” destacou.

 A iniciativa de criação do Selo Cultura de Paz partiu da Câmara Temática de Cultura de Paz, no início do período escolar deste ano. Ligada à Secretaria de Ordem Pública e Segurança da Cidadã, a Câmara Temática envolve todas as secretarias municipais, de forma colegiada. São ações que reforçam as ações do programa Jaboatão em Ordem, criado em 2013 e que promove coordena todas as operações voltadas para a ordem pública e segurança cidadã no município.

Publicado em Sem categoria | Comentários desativados

Aprova Jaboatão encerra ciclo com ‘chave de ouro’

20161126_090941

O segundo ano do programa atendeu cerca de 900 alunos matriculados no 9º ano das escolas municipais em três pólos

Foram 24 sábados dedicados a língua portuguesa e matemática em três pólos: Colégio Humberto Barradas, em Jaboatão Centro; Escola Barão de Muribeca, em Muribeca; Escola Professora Cândida de Andrade Maciel, em Cajueiro Seco, durante este ano de 2016. No dia 26 de novembro aconteceu o último encontro com cerca de 900 alunos que participaram do Programa Aprova Jaboatão, nas três unidades escolares cujas aulas aconteciam. O momento foi de descontração e despedida, além de preparação para os jovens que disputaram uma vaga no Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) neste último domingo (27).

O Aprova Jaboatão visa preparar os estudantes de escolas municipais para o processo seletivo das Escolas Técnicas Estaduais (ETE) e Escolas Técnicas Federais (IFPE) com o intuito de possibilitar que estes jovens tenham uma qualificação para serem inseridos no competitivo mercado do trabalho.

“A gestão chega ao fim com o dever cumprido, quando olhamos tudo que foi feito. Comecei a trabalhar com 9 anos, era difícil, estudei em escola pública também, quando investimos em educação pensamos nas crianças mais pobres. A Escola Nícea Cahú tem alunos oriundo do lixão e ela foi o primeiro lugar no município no Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica). Se conseguirmos colocar 250 crianças em escolas técnicas estaremos mudando as vidas dessas famílias”, declarou o secretário Executivo de Educação, Francisco Amorim.

A aluna Stefany Maria de Souza, 14 anos, participou do pólo no Colégio Humberto Barradas. “Vou tentar o curso de Segurança do Trabalho no IFPE. As aulas foram muito boas, o curso me ajudou muito não só para a prova, mas na escola também. Aqui a gente tinha mais tempo para tirar as dúvidas e resolver questões”, afirmou.

20161126_085421

Na ocasião também foram entregues as medalhas para os 1º, 2º e 3º lugares de cada turma e do pólo que fizeram um simulado das provas no mês de agosto. Também aconteceram apresentações culturais e DJs.

Publicado em Sem categoria | Comentários desativados

Maleta Futura encerra ciclo com troca de experiências

IMG-20161124-WA0000

Projeto do Canal Futura contemplou turmas dos Anos Finais do Ensino Fundamental e do EJA (Educação de Jovens e Adultos) 2º segmento

Ampliar o enfrentamento da desigualdade social através da educação é o objetivo principal do projeto Maleta Por Que Pobreza? Educação e Desigualdade do Canal Futura. Durante dois anos, 59 escolas receberam a ação, profissionais da educação participaram por formações para trabalhar a temática nas unidades de ensino junto aos Projetos Políticos Pedagógicos. Nesta quinta-feira (24), a culminância do projeto aconteceu com a socialização das experiências das escolas, na Faculdade Maurício de Nassau, em Piedade.

Na ocasião estavam os supervisores escolares que apresentaram as atividades realizadas.  Durante a execução do projeto, as unidades de ensino também tiveram monitoramento bimensal com coordenadoras pedagógicas. Cerca de 30 trabalhos foram expostos.

“Firmamos a parceria por acreditamos na ideia da importância de termos profissionais cada vez mais capacitados para trabalharem a desigualdade social. A educação é propícia para isso e os supervisores sabem as dificuldades e sabem os caminhos para percorrerem”, enfatizou a gerente de ensino, Leydejane Batista.

A coordenadora de mobilização e articulação do Canal Futura, Cinthia Sarinho, pontua que outras parcerias virão. “Já tivemos outros projetos em Jaboatão antes da Maleta Por Que Pobreza? Educação e Desigualdade. Sem estes profissionais nada disso seria possível, é uma verdadeira colcha de retalhos. Um trabalho feito com muitas mãos. Em breve teremos mais projetos do Canal Futura aqui”, afirmou.

O supervisor da Escola Municipal em Tempo Integral José Rodovalho, Jadson Alcântara, fez uma explanação das ações na escola. “Este ano na escola trabalhamos as temáticas Preconceito e Intolerância, Meio Ambiente e Sustentabilidade, Ética e Cidadania e A Busca pela Saúde e Qualidade de Vida. Trabalhamos o material do kit com os pais e com as crianças separadamente, depois realizamos rodas de conversa. Se não houvesse esse subsídio do projeto, não teríamos abordado esse tema que é muito complicado. O material é muito bom”, destacou.

Maleta Por Que Pobreza? Educação e Desigualdade

O kit é composto por:

•          Guia do Facilitador, produzido pela Steps International sobre os documentários Why poverty?;

•          Caderno em formato de Almanaque com textos inéditos e artigos conceituais;

•          Contextualização dos documentários WP feito pelo IPEA; sugestão de atividades; e indicações de outras fontes;

•          Livro produzido pelo IPEA a partir de reflexões sobre pobreza e desigualdade no Brasil;

•          Livro “Para compreender a pobreza no Brasil”, de Victor Valla e outros.

•          Anuário Brasileiro da Educação básica – 2013

•          Material audiovisual, composto pelos documentários WP, Sala Entrevista, programas de acervo Futura, Diz Aí Enfrentamento ao Extermínio da juventude negra.

Esta é a sexta Maleta produzida pelo Futura, as demais são com as seguintes temáticas : beleza, meio ambiente, democracia , saúde e infância.

Publicado em Sem categoria | Comentários desativados

Escola em Santo Aleixo ganha reforma completa

escola-josé-carneiro-1-660x330

A unidade de ensino atende 800 estudantes e foi destaque no Ideb de 2015 (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica)

Mais de R$ 560 mil foram investidos na reforma da Escola Municipal José Carneiro Barros Campelo, em Santo Aleixo, entre as benfeitorias estão: instalação elétrica, hidráulica, pintura, piso, aplicação de cerâmica e reestruturação da quadra poliesportiva. A nova estrutura física foi entregue à comunidade nesta quarta-feira (23) e contou com diversas apresentações culturais da própria escola.

“Assumi a gestão daqui, em 2013. Tinha muita evasão escolar, sem infraestrutura, , sem supervisão, profissionais desmotivados. Fui conversar na Secretaria porque aqui precisava de reforma urgente e Ednalda e Chico abraçaram a ideia. A qualidade de ensino melhorou muito”, pontuou o gestor da escola, Edilson José Oliveira

O secretário Executivo de Educação, Francisco Amorim, destacou a qualidade do ensino da escola. “Mesmo com a crise não paramos os serviços, priorizamos educação. Não faltou merenda, não faltou professor, sairemos no final do ano com a certeza de dever cumprindo. Temos quase 60 mil alunos, durante esta gestão aumentamos aprovação de 64% para 91%”, afirmou.

A mãe Rubenita Wanderley Ferreira prestigiou a solenidade. “Poucos pais vieram, os alunos devem pedir para os pais participarem da vida escolar do filho, isso é muito importante. A escola ficou ótima, é importante que seja feita a manutenção sempre para que ela continue assim”, disse.

“Trabalho aqui há 23 anos, já vi muitas reformas, mas nenhuma desse porte. A gestão está de parabéns, essa reforma vai contribuir para a qualidade de ensino. Com relação ao terceiro lugar conquistado nos jogos escolares digo: se o aluno aprende é mérito dele, se ele não aprende a falha é do professor”, pontuou o professor, Fernando Luiz Raposo de Melo.

A escola oferece a modalidade de ensino dos Anos Finais do Ensino Fundamental, tem  os programas Mais Educação e Segundo Tempo, além de trabalhar com o projeto Maleta Futura, voltado para as questões sociais. O espaço possui 10 salas de aula, biblioteca, sala de professor, sala de Gestão Escolar, secretaria, sala do Programa Mais Educação, quadra poliesportiva, banheiros e cozinha.

Foto: Marcelo Ferreira

Publicado em Sem categoria | Comentários desativados

Escola Vereador Antônio Januário está de “casa” nova

20161122_102702

Banda Marcial da unidade de ensino animou a solenidade de entrega da reforma completa do prédio e da quadra poliesportiva

Quem transita na Av. Agamenon Magalhães, em Massaranduba, já percebe a mudança. Os muros coloridos, quadra poliesportiva com cobertura nova e tela de proteção, e o movimento no espaço já demonstra que há vivacidade na Escola Municipal Vereador Antônio Januário.  Com cerca de 1300 alunos matriculados, a unidade de ensino ganhou cerâmica, estrutura elétrica, hidráulica, piso, retelhamento, pintura, cobertura e reforma completa da quadra, um investimento total de R$ 500 mil que foi entregue a comunidade nesta terça-feira (22).

O prefeito Elias Gomes fez a entrega da obra para a comunidade escolar. “Independente do resultado da eleição, continuamos governando com mesmo empenho de quando começamos até minuto. Faço isso com alegria. A maioria dos municípios pararam”, afirmou. “Onde há vontade, há um caminho. Onde há boa vontade, há vários caminhos. Passamos por várias mudanças e agora temos mais esse espaço”, pontuou o gestor da Escola, Gilson César.

20161122_110926

O secretário Executivo de Educação, Francisco Amorim, reforçou os avanços. “Chegamos na final da gestão com a certeza de dever cumprindo. Fomos construindo uma educação de qualidade, não só com relação a infraestrutura, mas também focando na aprendizagem, cuidado do pedagógico. Em 2009, apenas 64  dos alunos terminavam o ano, hoje esse índice é de 91%”, enfatizou.

A estudante Maria Eduarda agradeceu em nome de todos os demais alunos. “Em 2016, foi um ano difícil. Muita poeira, cimento, alergia. Mas todo o esforço valeu a pena, a escola está linda, as salas estão claras. Agradeço a todos os envolvidos e especialmente ao secretário Francisco Amorim e a Ednalda”, concluiu. Na ocasião também foram entregues as medalhas ao time de Futsal da escola, que em 2016 foi campeão nos Jogos Municipais Estudantis, na categoria Mirim,

Publicado em Sem categoria | Comentários desativados

Prefeitura entrega sétima quadra coberta em escola pública

Cerca de 400 alunos da Escola Municipal João Bosco de Sena, em Jaboatão Centro, serão beneficiados com a obra

Com um investimento de R$ 293.513,12 de recursos próprios, a Prefeitura, através da Secretaria Executiva de Educação, estará entregando na próxima sexta-feira (18), às 10h, a quadra coberta da Escola João Bosco de Sena. Em 2015, foi assinada a Ordem de Serviço (OS) para construção de 15 quadras poliesportivas cobertas em escolas municipais, um investimento total de R$ 7.869.178,02.

A quadra poliesportiva coberta da Escola João Bosco de Sena é a sétima entregue nesta gestão e vai favorecer quase 400 estudantes, já foram entregues a estrutura nas Escolas Municipais São Sebastião, Jaboatão dos Guararapes, Paulino Menelau, José Rodovalho, Humberto Barradas e Antonio Vieira de Melo.

“Com estas estruturas os alunos podem realizar a prática esportiva adequadamente, além de terem mais um espaço de lazer e entretenimento no ambiente escolar. Antes de 2009 o município tinha apenas seis quadras cobertas. Até o final do ano entregaremos mais uma quadra”, declarou o secretário Executivo de Educação, Francisco Amorim.

Serviço:

Entrega da quadra poliesportiva coberta da Escola Municipal João Bosco Sena

Endereço: Rua Antônio Matoso, s/n – Santo Aleixo

Data: 18 de novermbro

Horário: 10h

Publicado em Sem categoria | Comentários desativados